Pesquisar no site

 

Síntese

  • Jornalistas titulares de carteira profissional – 7402 (no decurso dos últimos vinte anos, o número de jornalistas profissionais foi multiplicado por seis)
  • 41% de mulheres (19,8% há vinte anos) e 59% de homens
  • Tendência para a feminização da profissão: nos últimos 5 anos entraram na profissão 508 homens e 706 mulheres
  • Embora ainda em minoria, quando se considera a totalidade dos jornalistas, as mulheres são já maioritárias nas faixas etárias dos 20 aos 34 anos
  • Esta tendência não chegou, ainda, aos níveis de chefia: 80% dos titulares de cargos de chefia são homens
  • 60% dos jornalistas profissionais trabalha na imprensa; 15,5% na TV e 13% na Rádio
  • 5% dos titulares de carteira profissional declaram-se em situação de desemprego
  • Elevada taxa de sindicalização: 65%
  • Profissão jovem: 70% dos jornalistas têm entre 25 e 44 anos de idade
  • 60% dos jornalistas possuem uma licenciatura ou um bacharelato
  • Apenas 1,1% dos jornalistas não foram além do ensino básico
  • 15% dos titulares de carteira profissional trabalha em regime livre (freelance)